Arquivo público põe na rede jornais raros de São Paulo

Uma grande notícia: o Arquivo Público do Estado de São Paulo colocou na web grande parte de seu acervo de jornais e revistas que circularam por aqui e que ajudaram a construir a história da imprensa no Brasil.

O acervo digitalizado tem exemplares raros de Correio Paulistano (1867), Diário de Santos (1907), La Barricata (1913), A Lanterna (1914), Acção (1936) e, como não citar, uma coleção bastante interessante da Última Hora, criada em 1951 por Samuel Wainer e que circularia até 1971. Isso sem contar uma série de revistas.

Vale a pena fazer essa viagem.

2 Respostas para “Arquivo público põe na rede jornais raros de São Paulo

  1. Alec,

    Baita material valioso. Seria bom se fizessem uma exposição na Pinacoteca com esse acervo.

    Valeu pela dica.

    abç

  2. Pingback: A nossa New Yorker | Webmanario

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s