Arquivo da tag: Zanetti

O jornalismo não tira sarro

Ainda no Uruguai, então mais sobre a Argentina. Primeiro que vi esse 0 a 0 aqui em Montevidéu, lugar mais neutro do mundo para acompanhar esse jogo. O Uruguai tem uma afinidade racial e cultural enorme com nosso país, ao mesmo tempo que nutre pela Argentina admiração e dependência muito grandes. O coração dos caras sempre fica dividido nessa hora.

Pois bem: aqui, fora do Brasil, fica nítida a nossa brusca redução de relevância global no quesito bola. O tempo todo, as pessoas que vêem o jogo falam só sobre nosso rival. Não se perguntam quem é Daniel Alves ou por que Ronaldinho está falando ao celular numa tribuna em vez de estar lá embaixo, jogando. Um comentarista da TV argentina acaba de dizer que o gaúcho “amarrado é muito melhor Diego”. Tendo a concordar.

Discordo, porém, do pseudojornalismo. Teve alguma repercussão a lição que o argentino Zanetti deu num “repórter” do CQC Brasil _por sinal, um formato televisivo do país vizinho. A pergunta, grosseira: “Se a Argentina perder, há chance de mais um panelaço?”

“Primeiro, não pensamos em perder. Com este assunto não se brinca, é algo que prejudica muita gente. Nós, os argentinos, merecemos coisas melhores”.

Correta, a reação do jogador reforça a necessidade de o jornalismo ter compartimentos para desovar bom-humor _indispensável e fundamental para qualquer mídia. Não se mistura notícia e risada. Formatos como o CQC, por favor, se assemelham a Casseta e Planeta, nada além desse patamar. Jornalismo exige (pouco) mais decoro.

E agora que eu tô todo papel (dois meses pesquisando jornais de 50 anos atrás dá nisso), lembro do melhor exemplo de irrupção de humor num jornal: a charge, o “editorial desenhado”. Falaremos dela em breve.