Arquivo da tag: Tom Alderman

“Não é jornalismo, é fofoca”

Quem concorda com a frase-título, um ataque frontal ao jornalismo cidadão, é Tom Alderman, num texto publicado há pouco pelo Huffington Post (diga-se de passagem, uma das boas iniciativas tornadas possíveis pelas facilidades da tecnologia).

Para ele, o trabalho jornalístico desempenhado por cidadãos comuns remonta à revolução americana (é um senso comum, são várias as comparações entre os blogueiros de hoje e os panfletistas do século 18) e apenas foi recriado com o advento da Internet.

Alderman demonstra ter aquela sensação _que eu já confessei ter às vezes_ de que tudo não passa de uma estratégia da grande mídia para reduzir custos. Em vez de deslocar equipes de reportagens, mais motoristas e equipamentos ao lugar das pautas, convide seu público a relatar, fotografar e filmar os acontecimentos.

Isso se chama crowdsourcing, e tem gente bastante séria _como Jeff Howe, da Wired_ debatendo o assunto. Basicamente, é botar as pessoas para trabalhar de graça para você.

 O jornalista questiona a credibilidade de amadores e pergunta a quem a participação interessa. Daí, usa o professor da Universidade da Georgia David Hazinsk (ex-correspondente internacional da rede NBC) para dar o grande golpe. “Nem sequer é jornalismo, é fofoca”.

Alderman tem 30 anos de experiência no ramo e trabalhou em jornais, TVs e também em assessoria de imprensa. Esse currículo depõe contra sua opinião, pois são justamente os dinossauros do mainstream os que mais temem o avanço da ex-audiência no jornalismo. E tentam proteger, ao menos no campo das idéias, seus antigos domínios.

É sempre saudável ouvir o outro lado, especialmente nesta profissão.