Arquivo da tag: informe publicitário

Cai a última fronteira do conteúdo publicitário

Houve um tempo em que até anúncio na primeira página era visto como um indício de perda de independência dos jornais impressos. Esse tempo acabou.

Agora, cai a última fronteira: o Washigton Post anunciou que permitirá a exploração de conteúdo pago em seu site, seja em vídeos, blogs ou infográficos.

Será que o disclaimer “conteúdo produzido por anunciantes” bastará?

Nunca é demais lembrar que de informes publicitários o jornalismo impresso já estava cheio, e há décadas.

Não há, exatamente, uma novidade na decisão do WaPo – na verdade, a dúvida é se a separação entre conteúdo editorial e publicitário é suficientemente claro on-line (eu diria que não).

O estranho caderno especial do Estadão

O Estado de S.Paulo soltou um caderno especial bastante esquisito nesta quarta. Em papel especial e sob o título Made in Brazil, o produto de 28 páginas em formato diferenciado (lembra o 3030, aqui citado algumas vezes) é um folhetim institucional da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (doravante designada Apex), estatal sob responsabilidade de Miguel Jorge, ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

As reportagens (são várias e envolveram produção de foto, em menor escala) são assinadas por freelances especialmente para o centenário jornal paulistano.

Os títulos são genéricos (enfraquecendo pautas que, a distância, pareceram boas, ao menos em seu conceito) e, no geral, tecem loas ao trabalho da agência pública.

O problema é que não há expediente nem a informação (talvez sobre a manjada tarja “informe publicitário”) sobre a motivação do caderno.