Arquivo da tag: fusão

Lições de integração do Guardian

Alan Rusbridger, diretor do Guardian (provavelmente o jornal que melhor entendeu a necessidade da convergência entre papel e on-line), deu uma belíssima entrevista ao El Pais.

Nela, lamenta que tenha menosprezado o poder do Twitter e defende uma web aberta e colaborativa _até como antídoto ao altíssimo custo do jornalismo investigativo de qualidade.

Comandado por Rusbridger, o processo de integração do jornal britânico começou na marra (seus jornalistas foram obrigados a abrir contas em redes sociais e a interagir com os leitores). Não é uma prática recomendável (o engajamento dos entusiastas e o convencimento paulatino dos demais, na minha opinião, é mais eficiente).

Mas deu certo: o Guardian é um belo exemplo de como fazer.

A redação mais cara do mundo

Um vídeo que só pode ser publicitário mostra aparentemente dois editores comandando uma rede de correspondentes conectados e até uma editoria “sem fio” (para assuntos mobile) numa cobertura sobre caos aéreo global.

Difícil fazer uma estimativa, ainda que grosseira, de quanto custaria uma redação tão diligente e com tanto apoio alhures.

Fato é que essa redação ficcional certamente seria a mais cara do mundo. Mas que eles trabalham bem, não há dúvida.

ATUALIZAÇÃO: o Gilson Pôrto Jr. avisa nos comentários que já expandiu a informação sobre o vídeo, o que ele representa e mais: que talvez uma redação assim não seja tão cara, ou melhor, que seu trabalho seja vendido a um preço bastante alto, bancando sua onipresença.