Notícias como música

Outro dia meu amigo Rafael Sbarai perguntava se o jornalismo precisava de um iTunes, dando como exemplo a holandesa Blendle, que oferece reportagens “em separado”.

A ideia está saindo das pequenas fronteiras da Holanda e já deve chegar à França.

Que micropagamentos são uma das saídas para a comercialização de conteúdo, não resta dúvida. Mas não esqueçamos que, diferentemente de música, informação é perecível e consumida uma única vez – jamais em looping, como uma boa playlist pela qual vale a pena pagar.

É o cão correndo atrás do rabo, de novo.

 

3 Respostas para “Notícias como música

  1. Pingback: E o iTunes de notícias avança | Webmanario

  2. Também duvido desse formato em especial. Mas sempre defendi a venda em pacotes. Por exemplo: “comprar” só a editoria de Economia, ou a de Cidades e de Cultura. Ou ainda comprar pacotes por assuntos de interesse.

  3. Super ideia com certeza vai atravessar não só a europa com certeza já ouvi previsões até 2016 chegar até as America do sul 😄

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s