A semântica do HTML

Houve um tempo em que, para publicar aqui na rede, só mesmo se soubesse o código HTML, charmosa porém repetitiva que nos abriu (às pessoas de minha geração) as portas à imprensa pessoal.

Nesse sentido, interessante como Kevin Suttle rediscute a relação com o código e propõe alguns ajustes em sua clássica disposição.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s