Spammers sequestram ‘likes’ no Facebook

Finalmente caiu a ficha, e várias matérias estão pululando por aí: spammers definitivamente estão migrando do e-mail para as redes sociais para vender desempenho sexual melhor e enganar os incautos com falsos sorteios milionários, entre outras picaretagens.

A consultoria especializada Richter estima que os spammers estão por trás da criação de 40% dos perfis em redes sociais – acho o dado alarmista, mas não tenho como confrontá-lo a não ser por minha percepção.

De toda forma, o “likejacking” (sequestro de ‘curtir’) já é uma realidade no Facebook, a ponto de o próprio site ter advertido perfis que estão espalhando mensagens indesejadas.

Nesse cenário, os murais do Pinterest se apresentam como os mais interessantes para os propósitos de quem quer invadir redes pessoais. Como é apresentado meramente com fotos, muitas deles escondem, na verdade, propagandas.

O fato é que a sua rede, por mais que tente controlá-la, não é sua sua.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s