‘Primavera’ revigora o jornalismo no mundo árabe

É bom saber que o jornalismo pegou carona no movimento popular apelidado pela mídia de Primavera Árabe.

Na Tunísia, que botou um ditador pra correr no começo do ano, nada menos do que 70 empresas já pediram autorização para funcionar.

Na Líbia, onde Muamar Khadafi ainda resiste, até um jornal em inglês já está sendo editado (o país tem cerca de 80 jornais e revistas).

Nenhuma dúvida que a democracia é o ambiente mais propício para o exercício da profissão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s