Notícias sobre realidade e virtualidade

“Laços sociais dependem de interação, investimento e sentimento. E podem se desgastar no espaço off-line. Mas não no on-line”, argumenta Raquel Recuero, que aborda o on-line e off-line em nossas vidas em texto sobre o caráter dos sites de redes sociais.

Seu princípio é que talvez não possamos dizer que realidade e virtualidade fazem parte de um mesmo espaço, ou seja, que termos como ciberespaço não fazem mais o menor sentido.

“o Twitter, através de sua forma de constituição de redes sociais, permitiu novas formas de compartilhar informações, agregar visibilidade e mesmo conversar. Esses valores não eram acessíveis antes do on-line. Ora, se a pesquisa tem demonstrado que as redes sociais on-line adicionam dimensões diferentes às redes off-line, elas também são diferentes dessas”.

Ok, mas continuo achando que ainda estamos falando do mesmo espaço, apenas com características diferentes.

2 Respostas para “Notícias sobre realidade e virtualidade

  1. Acho que o texto da Raquel levanta diversas questões relacionadas aos relacionamentos sociais nos espaços real e virtual. Quando ela fala que as relações não se desgastam no online, não sei se isso é verdade, dado que é possível que adicionemos pessoas no FB, por exemplo, e nunca realmente conversarmos com ela. Nesse caso, a relação nem mesmo se sedimentou. É claro que os sites mantêm as relações, mas ainda assim, com o tanto de pessoas que temos agora como amigos (alguns, mais de 1000) torna impossível estabelecer laços, ainda mais quando a relação também não está sedimentada na “vida real”.

    Ela também coloca assim: “Sua rede de amigos foi alterada essencialmente por essas ferramentas? Do ponto de vista da minha pesquisa, não”. Mas sabemos que as relações são, sim, profundamente alterada pelo advento dessas ferramentas. É muito mais fácil estar em contato com as pessoas, principalmente as mais distantes. Eu posso dizer, pessoalmente, que minha rede de amigos foi profundamente alterada por causa dessas ferramentas, e é claro que não sou a única.

  2. Thais,

    Acho todo o conceito de Recuero altamente discutível. A atividade social on-line tem muito a ver com a vida fora da rede (e o que não tem tende ao superficial, via de regra).

    Quanto à alteração das relações por conta das ferramentas on-line, não podemos nos esquecer da acessibilidade que o avanço tecnológico nos deu. Isso, talvez, altere a percepção sobre o real efeito dos contatos sociais na web.

    Bjs.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s