Portugal quer atrelar noticiário político a resultado de eleição

A discussão sobre regulamentação do conteúdo da mídia, que está na ordem do dia no Brasil, atingiu as raias do absurdo em Portugal.

A ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social), agência que cuida do assunto no país, definiu com base nos resultados eleitorais de 2005 uma “cota de notícias” para os partidos com representação no Parlamento.

Isso mesmo: o noticiário político teria de ser partilhado de acordo com os resultados eleitorais de há quase 6 anos. Uma loucura completa que, com razão, já está sendo duramente criticada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s