Etiquetando o jornalismo


Curti essa provocação de Tom Scott: e se a gente pusesse adesivos nas matérias publicadas pelos jornais (sugiro uma versão eletrônica pra aplicar nos on-lines) com advertências do tipo “a pesquisa apresentada neste texto foi fornecida por uma assessoria de imprensa” ou “o jornalista não entende do assunto que está escrevendo”, entre outros?

Scott chama a etiquetagem de “tornar mais segura a leitura dos jornais”.

Todos os dias estamos fortemente expostos a receber essas etiquetas e, pelas circunstâncias em que produzimos nossos produtos, que atire a primeira pedra quem nunca passou por isso.

Atirou?

3 Respostas para “Etiquetando o jornalismo

  1. Essa eu imprimi e colei aqui na minha baia. É útil nos fins de semana em que ainda tenho que dar plantões, como este… bora marcar aquele almoço? 😉

  2. Sem entrar nas coisas quase subjetivas (“ele não entende do que está falando”), apenas nas técnicas de fonte, ia faltar adesivo 4, 5 e 6. O mais legal seria se o adesivo eletrônico apontasse para as provas disso, fáceis de achar na internet.

  3. Pingback: A consciência vendida | Webmanario

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s