Estudo sobre jovens e web é pretexto para vender lições

Entra best-seller, sai best-seller, Don Tapscott continua a escrever para um público que ainda se surpreende com o que a internet fez por nós e também com tudo aquilo que podemos fazer com ela.

Foi assim em “Wikinomics”, talvez o maior sucesso do canadense, palestrante disputado e consultor na área de novas mídias -a obra chegou a 22 países.

É assim em “A Hora da Geração Digital – Como os Jovens Que Cresceram Utilizando a Internet Estão Mudando Tudo, das Empresas ao Governo”.

Originalmente lançado em 2008, o livro é desnecessário: é um pretexto para vender as ideias (e o negócio) de Tapscott, um persistente candidato a guru tecnológico que jamais abandona o tom de autoajuda em seus escritos.

Bem por isso, a obra se dedica a dar conselhos de toda sorte. De métodos para ter uma mente aguçada a dicas para gestores, empreendedores, pais e até governantes.

Desta vez, pelo menos, há trabalho duro por trás: o livro é resultado de uma pesquisa que custou US$ 4 milhões e ouviu mais de 10 mil jovens sobre seu comportamento na internet.

Claro, é tudo muito americano (defeito menos grave do que os quase dois anos que separam o levantamento da chegada ao público brasileiro, uma eternidade em se tratando da web).

Porém o canadense discorre, sempre com a segunda intenção de vender algum tipo de solução fácil (ele é dono da empresa que coordenou a pesquisa), sobre assuntos que outros autores já abordaram de forma definitiva.

REFERÊNCIAS
Como o engajamento político, por exemplo, dissecado em cada palmo pelo sociólogo espanhol Manuel Castells no brilhante tratado “Communication Power” (O Poder da Comunicação, Oxford University Press, 2009).

Ou a força da mobilização e da vigilância do público pela internet (e também a produção colaborativa de conteúdo), objeto de estudo de Clay Shirky, professor da Universidade de Nova York, no indispensável “Here Comes Everybody” (Aí Vem Todo Mundo, Penguin, 2008).

Assim como a inevitável convergência de mídias e produtos, uma necessidade dos tempos da conexão integral, que Henry Jenkins analisa com primor em “A Cultura da Convergência” (Aleph, 2008) -única das três obras citadas que possui tradução para o português.

O novo livro de Tapscott tem, no entanto, o mérito de tentar resumir todos esses assuntos, fundamentais para se compreenderem as mudanças pelas quais o mundo está passando.

Analisar esse contexto de transformação tendo como ponto de partida a geração que já nasceu digital acaba sendo, de fato, uma boa ideia. Mas sem pensar em usá-la para ensinar lições de como proceder diante da avalanche da tecnologia.

2 Respostas para “Estudo sobre jovens e web é pretexto para vender lições

  1. Estou iniciando pesquisa para meu TCC (monografia) sobre captação de recursos humanos e, após a leitura do livro “A Hora da Geração Digital”, procurei críticas ao que é apresentado pelo autor. O que me interessou no “post” é o comentário de que o autor discorre sobre assuntos que outros autores já trataram de maneira definitiva. Portanto, seria possível vc me indicar bibliografia referente ao Cap 6 do livro – Repensando talento e gestão: A geração internet na força de trabalho? Meu trabalho pesquisará captação de recursos humanos para as Forças Armadas. Dentre os valores elencados pelo autor como essenciais para a nova geração, reconheci vários presentes na cultura organizacional militar, por mais contraditório que isto possa parecer (não há tempo nem espaço para “prová-lo”, nesta msg). Em uma avaliação superficial e inicial, as Forças Armadas não estão sabendo explorar tais valores em uma linguagem mais atual, talvez por nunca ter dependido de captação “ativa” para preencher suas “fileiras”. Enfim, há outras obras que explorem o tema captação sob o enfoque do Cap 6?
    Obrigado.
    Fernando Cozzolino

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s