Jornalistas ganham programa de proteção e casa de refúgio

Os jornalistas mexicanos, país onde assassinatos , agressões, ameaças e intimidações o colocam entre os mais perigosos do mundo para a gente, ganharão uma rede de proteção e uma casa para refugiar perseguidos.

A iniciativa, que envolve o governo do Distrito Federal e ONGs ligadas aos direitos humanos, chega em boa hora: nos últimos dois anos, 16 coleguinhas perderam a vida no país (muitos envolvidos em coberturas sobre o tráfico de drogas).

Aliás, hora de a gente pensar nisso no Brasil também. Temos tantos problemas quanto os mexicanos no quesito ameaça à liberdade de imprensa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s