Nós, os leitores e o filho secreto de FHC

A minha ficha só caiu depois de ler, na seção de cartas de um jornal, um leitor intitulando-se “otário” por só agora ter ficado sabendo que o ex-presidente FHC teve um filho fora do casamento, ainda antes de ser presidente, com a jornalista Miriam Dutra, da Rede Globo.

Claro, o Brasil não é a França, onde casos extraconjugais de políticos são certos, sabidos _e não noticiados. E muito menos os Estados Unidos, onde por muito menos que um filho um presidente quase perdeu o cargo (é verdade que por mentir acerca de seu relacionamento com uma estagiária da Casa Branca, não pelo affair em si).

Será que de fato tratamos como idiotas os nossos leitores durante esse tempo todo? A informação sobre o filho secreto de FHC era, afinal, de interesse público?

Não importa, o fato é que nas redações o assunto era corrente há muitos anos, como uma busca despretensiosa no Google confirma (role a página e leia a nota ‘Conivência: não é bem assim’). Antes do Plano Real eu já sabia disso, pra você ter uma ideia. Estou falando de 1993…

E, mesmo assim, negligenciamos, deliberada ou inadvertidamente, uma informação que, anos depois, fez pelo menos um leitor se sentir um otário.

Eu não sei você, mas eu sinto que fracassei.

14 Respostas para “Nós, os leitores e o filho secreto de FHC

  1. Alec,

    Garanto que o pessoal da Caros Amigos não sente dores no episódio como a maioria dos jornalistas.

    Eles deram em 1998 o quarto filho de FHC.

    Não sei a razão para a grande mídia não revelar o caso, talvez evitar uma segunda versão de Lurian.

    Mas, como você disse…Todo mundo sabia, e existiu também outros casos extraconjugais de FHC com outras jornalistas da Rede Globo.

  2. Se ofender com o fato de um filho fora do casamento de um ex-presidente é muita hipocrisia.
    Todo dias ouvimos histórias assim e ás vezes até nos chocamos, mas se ofender é um pouco exagerado.
    Antes filhos fora do casamento, que mensalões, apoio ao Sarney e etc.

  3. Otário por que, ele era marido da mãe da criança ou do FHC? Registrou a criança como filho sem ser seu pai? Então não enche.
    É o tipo de leitor que sabe podres da vida alheia mas não lembra em quem votou na última eleição.

  4. Eu não acho que o leitor tenha sido feito de otário. Não acho mesmo.

    Acredito que a vida privada de pessoas públicas só tem relevância noticiosa quando se mistura com a vida pública. Foi o caso do Renan Calheiros com a gestante cuja pensão seria paga pelo lobista. Foi o caso do Lula com a ex-namorada sendo usada pelo Collor na campanha eleitoral.

    De resto, se não há comprometimento político envolvido – e eu não vejo nenhum, embora possa certamente estar mal informado -, acho perfeitamente natural um homem público querer manter silêncio sobre um filho que teve fora do casamento. Especialmente se a mãe da criança se mantém discreta a respeito, e mais especialmente ainda se não há indicações de que a pensão seja paga por lobistas.

    Ah, mas a mãe da criança foi jornalista da Globo. Ora, a gestante do Renan também. Ah, mas a Globo tratava o FHC na palma da mão. Será que era por isso? Eu duvido muito.

    Acho que o caso é comparável à polêmica do ano passado sobre a sexualidade do Kassab. Que boatos circulavam, circulavam. Que ele é discreto a respeito, é. Mas só se tocou publicamente nos boatos quanto eles foram usados abertamente na disputa política. (E mesmo assim até quem usou concordou que foi baixaria.)

    Sobre o leitor se sentir um otário por não ter sido informado sobre a vida pessoal de uma pessoa pública, eu relativizo bastante. Tem leitor que se sente otário se não é informado sobre o novo namorado da piriguete famosa da vez.

    • Marcelo,

      No caso do Kassab houve um componente a mais, que foi o uso político, e ainda por cima durante uma campanha. FHC era senador em 1991, quando nasceu seu filho com a jornalista da Globo, e não havia eleição a disputar. O assunto foi sendo mantido a sete chaves _agora um comentário aqui me lembra que a Caros Amigos publicou, sim, a história, mas em 1998 (em pleno ambiente eleitoral, portanto).

      Eu tendo a concordar com vc, mas confesso que não tenho uma posição tão firme assim. Acho que informações, especialmente as que dizem respeito a pessoas públicas do calibre de um presidente da República, têm sim relevância para serem publicadas. Ainda que sejam pessoais.

      É um longo (e sempre proveitoso) debate…

      abs

  5. Pra resumir: eu acho que o que os outros fazem em suas camas, e com quem, só é da conta de quem é convidado para a festa, independente do cargo que ocupe. Se tem dinheiro público no meio, porém, a população inteira acaba convidada à revelia, em posição passiva, e por isso passa a ser da sua conta. Se não tem, problema dele.

  6. Não sei. Eu acho que é informação demais… *risos* O pessoal já cobre de maneira tão pouco aprofundada o que eles fazem enquanto estão trabalhando… prefiro que me poupem do que eles fazem literalmente na cama e me contem o que eles fazem metaforicamente com a gente, enfim.

  7. Concordo plenamente com o Marcelo, Alec.
    Você leu o post do Fernando Rodrigues sobre isso? Em casa, falei sobre isso com o namorido – que é anti-tucano roxo e ama o Lula.

    Se a mãe do garoto não confirmava a história, se o FHC não confirmava, se a D. Ruth – que Deus a tenha – nunca tocou no assunto, como a imprensa ia dar uma notícia dessas? Baseada em que? Alguém tinha a certidão de nascimento do menino com o nome do FHC? Ninguém nunca teve provas concretas para noticiar tal informação.

    Oras, se o FHC é melhor que o Lula até para escolher amante, sorte dele.

    Se a amante do Lula se vendeu para a política nas eleições; se a amante do Renan fez o mesmo – e foi além com o livro e com a Playboy -, azar deles, não?

    Na próxima, escolham uma parceira mais discreta.

  8. Isso não é muita novidade.
    Não quero generalizar, mas até hoje só conheci velhos comunistas e jovens revoltosos como leitores da Caros Amigos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s