Jornalistas são os profissionais que mais consomem álcool

Os jornalistas lideram o ranking dos profissionais mais bebedores na Inglaterra. Na média, eles consomem 19 copos de chope ou quatro garrafas de vinho por semana (sim, há quem beba ambos).

O estudo, conduzido pelo governo britânico, aponta que o povo de mídia no país bebe 44 doses alcoólicas semanais, o dobro do que é tolerado pelo ministério da Saúde local.

A pesquisa é curiosa e revela resultados que, provavelmente, seriam parecidos em qualquer canto da Terra, como aqui entre nós. Já me perguntaram porque jornalistas bebem tanto (e olha que, quando comecei, em 1990, bebiam muito mais).

Nunca encontrei uma explicação plausível. E eu faço parte da trupe: bebo, não nego. Nunca neguei.

Outro aspecto, que também não tenho dados científicos para comprovar, é a quantidade de coleguinhas fumantes. É apenas uma impressão, mas a incidência realmente parece ser bem maior entre os jornalistas. Repare.

Noite passada mesmo, o papo numa mesa de bar era que, a partir de 7 de agosto, quando começa a vigorar a lei antifumo no Estado de São Paulo, teremos de caminhar mais. Ou sentar fora do boteco.

Enfim, vida de jornalista.

(via @agranado)

Opine: um jornal precisa de manchete todos os dias?

11 Respostas para “Jornalistas são os profissionais que mais consomem álcool

  1. Curioso. Quando olho pra folha de pagamento, também dá uma vontade doida de beber.

  2. Mas, com os fumódromos, as campanhas, a geração saúde e tal, minha experiência é que o número de fumantes está caindo bem. Já o dos “bebentes”… Este nunca cai!

    • Ana, mas tem uma coisa: a bebida atrai o cigarro. Por isso acho que ainda não caiu tanto quanto em outras esferas… Mas afinal, porque os jornalistas bebem tanto?

  3. Eu já vi uma pesquisa parecida sobre brasileiros, mas agora não me lembro feita por quem.

    Só sei que os três profissionais que mais bebem no Brasil (não me pergunte a ordem, é querer demais na minha memória 🙂 são os jornalistas, os bancários e os médicos.

    Se me xingarem numa noite de sexta, posso alegar que tenho duas dessas profissões no currículo =D

  4. Deu até vontade de tomar uma gelada.

  5. posso falar desta jornalista aqui. eu bebo mais quando trabalho num horário de fechamento. sai da FIRMA de noite, na maior pilha, acaba rumando pro boteco.

    • Clá, acho que faz todo o sentido. A minha explicação para essa tendência etílica é justamente os horários tardios de saída. O problema é que, quando o povo tá num horário mais civil, ruma pro boteco mais cedo também…

  6. Não fujo ao óbvio: bebemos porque é líquido, porque se fosse sólido… Quanto ao cigarro, felizmente livrei-me desse vício há uns bons 7 anos. Mas há que cuidar diariamente, porque qualquer desatenção…

  7. Pingback: @lovemaltine ♥ » Blog Archive » Para quem gosta de ler…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s