O triunfo do branco

Detalhe da nova homepage do portal UOL

Detalhe da nova homepage do portal UOL

Com algumas horas de diferença, os dois principais portais brasileiros na Internet mudaram suas homepages _no caso do Terra, as capas internas também.

A constatação mais fácil e direta que se pode fazer é o notável triunfo do branco, uma tendência que vem acompanhando o redesenho dos sites de veículos noticiosos como o inglês Independent e o canadense Globe and Mail, apenas para ficar em dois exemplos.

No caso do UOL, a mudança teve motivação física: colocar mais conteúdo na página inicial (a empresa diz que o novo desenho permitiu 23% a mais de conteúdo). No Terra, tudo faz parte de um projeto (o Átomo) que está sendo tratado como uma “revolução” pela companhia.

Agora é o tempo que dirá se as alterações, de fato, terão implicação na vida dos internautas. Tudo que venha ao encontro da interação e da clareza na transmissão da notícia é muito bem-vindo.

Porém revolução mesmo, para quem trabalha com jornalismo na Internet, para mim é outra coisa: a adoção ampla, geral e irrestrita da linkagem externa. Creio nisso como o passo decisivo para um comunicação transparente, direta e utilitária.

Afinal, se o conteúdo é rei, a linkagem é a rainha. Sobre o “link journalism”, por sinal, quem tem as infos mais atuais é Scott Karp.

Detalhe da nova homepage do portal Terra

Detalhe da nova homepage do portal Terra

4 Respostas para “O triunfo do branco

  1. Gosto mais deste formato novo, mais informações, menos rabiscos e fotografias. O NY POST a primeira vez que vi pensei que era aqueles links de virus, de tanta poluição visual. Essa moda podia pegar nos sites do Brasil.

    • Darlan,

      É isso.

      Agora, aquele fotão ali… precisa ser SEMPRE muito bom pra justificar. E, em jornalismo, sabe quando uma coisa sempre é muito boa? Nunca.

      Quero saber quais são o segundo e terceiro modelo de capas (eles certamente existem) pro caso de uma pane fotográfica (e ela vai rolar certamente, e mais de uma vez).

      abs

  2. Com o passar do tempo, foram adquirindo problemas de visão, e de leitura, e descobriram que fundo e letras coloridos são mais difíceis do que os tradicionais branco e preto.

  3. Pingback: Sensação de déjà vu | Webmanario

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s