Jornais na Web sobrevivem a furacão

Três jornais em papel da Louisiana deixaram de circular por dois dias durante a passagem do furação Gustav por Nova Orleans (EUA). Foi uma decisão editorial de suas direções.

Na Web, porém, as edições do The Times-Picayune, do The Courier e do Daily Comet tiveram extensa atualização sobre o fenômeno _que alagou ruas da cidade mas não teve a força devastadora do Katrina, que a destruiu há três anos.

Mais uma demonstração, ainda que óbvia, da força de uma mídia sobre a outra, ao menos no aspecto físico. Além de caríssimo, o processo industrial por trás de um produto em papel ainda põe em risco, devido a sua logística de distribuição, a chegada do produto ao público-alvo.

Quem reparou foi o sempre atento Roy Greenslade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s