O mais rápido, o mais alto, o mais forte

Fui ali na Olimpíada e já volto.

Por ora, deixo uma dica: um blog sóbrio que acompanha outro ângulo (político e social) dos Jogos de Pequim. É tocado por James Fallows, que trabalha na revista The Atlantic.

Em tempo: a página é mais um exemplo de jornalista da imprensa tradicional (Fallows é veterano e está há 25 anos na revista) que empresta seu prestígio à blogosfera.

Uma resposta para “O mais rápido, o mais alto, o mais forte

  1. essas olimpiadas não foi o que eu esperava!!!
    para mim q ia ser bem melhor!!
    mais fazer o que nem tudo é como agente quer!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s