Credibilidade dos jornalistas despenca

Calma: essa é a constatação de uma pesquisa feita na Inglaterra pelo British Journalism Review. No Brasil, aferições semelhantes têm constatado que, embora baixa, a credibilidade da profissão mantém a estabilidade.

No caso inglês, pudera: foram muitos os casos embaraçosos envolvendo jornalistas britânicos nos últimos meses, a começar pela trágica cobertura do desaparecimento da menina Madeleine McCann (que culminou com indenizações milionárias pagas pela mídia aos pais da garota, acusados de terem culpa no cartório).

Houve ainda o constrangedor caso do repórter Clive Goodman, do tablóide News of the World, condenado à prisão em janeiro após interceptar mensagens de celular de várias figuras públicas, entre elas três membros da família real.

Depois, Peter Fincham, da BBC 1, foi obrigado a pedir demissão por causa da péssima edição do documentário “Um ano com a Rainha”, que cometeu diversas impropriedades.

Resultado: hoje, 49% dos entrevistados não confiam nos jornalões (The Times, Telegraph e Guardian), e 83% duvidam das notícias publicadas pelos tablóides (como Daily Mirror e The Sun).

3 Respostas para “Credibilidade dos jornalistas despenca

  1. Credo que coisa em!!!!!

  2. Credibilidade é tudo para os jornalistas, porém os casos citados realmente foram trapalhadas que realmente jogaram a credibilidade dos jornalistas para baixo ..

  3. Ja tirei londres da minha lista de possiveis lugares para trabalhar quando terminar a facu! rs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s