Internet se encaminha para conteúdo 100% gratuito

As coisas vão se encaminhando do jeito que Chris Anderson, editor-chefe da Wired, preconizou. Agora foi a Thomson Reuters, maior agência de notícias do mundo e que ainda vive de vender conteúdo para a mídia mundial, anunciar que abriu seu conteúdo multimídia para a “comunidade on-line”.

É a cultura do free, do preço zero, que Anderson vai defender em um livro que está quase no prelo.

Quando eu digo que não se pode mais cobrar do usuário comum, aquele que utiliza seu site sem fins comerciais, ficam em pânico. Mas só há uma certeza hoje sobre o conteúdo fechado: que ele o exclui das buscas na Internet, hoje a principal porta de acesso do usuário a um site. 

Uma resposta para “Internet se encaminha para conteúdo 100% gratuito

  1. Pingback: A diferença entre negócio na Internet e o negócio Internet « Webmanário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s