Os blogs e o jornalismo investigativo

De forma geral, blog e jornalismo são coisas que não têm muito a ver. Muita gente confunde as coisas e acha que, pelo simples fato de estar “blogando”, faz, automaticamente, jornalismo.

Nosso amigo Paul Bradshaw fala sobre isso no capítulo de um livro sobre jornalismo investigativo a ser lançado em breve.

Eu mesmo já tinha manifestado minha contrariedade com a banalização da palavra blog e o desvirtuamento de suas características. A tribuna para a expressão do brilhante pensamento vivo, como escolhem alguns, está muito distante do diálogo com o público, da coleção de coisas legais e da solidariedade com a blogosfera, por onde enveredaram outros _estes sim, fazendo blogs jornalísticos.

Foi em 1999 que o surgimento de plataformas como o Blogger ajudaram as pessoas a superar a ignorância em HTML e se aventurar na publicação on-line. Desde então não houve, no Brasil, uma iniciativa convicente de jornalismo investigativo _se bem que o maior exemplo norte-americano, a denúncia de que o presidente Bill Clinton tinha tido um affair com uma estagiária da Casa Branca, foi obtida porque o blogueiro era dono de uma loja de conveniência numa rede de TV e ouviu o papo dos repórteres.

Se você conhecer bons exemplos de blogs jornalísticos no Brasil, me conte. Vamos voltar ao tema em breve.

4 Respostas para “Os blogs e o jornalismo investigativo

  1. Um tema bem interessante e pouco aprofundado , acho somente que a tendência é crescer ( porém não tão rápido).

  2. eu também acho, mas pode-se passar a noticia através de um blog. Se o blog ter a confiança de suas informações, pode virar uma fonte segura de informação.

  3. A idéia é boa mas no meio de tantos blogs fica dificil encontrar um que seja mais noticioso, caímos sempre nos blogs de jornalistas conhecidos, e nesse caso ai do cara que ouviu o papo dos repórteres e colocou no blog da a impressão de sei lá , talvez um furo transmitido por um blog, mas se pouca gente tem acesso a exclusividade fica sempre pro portal ou jornal.

  4. Michelle,

    a credibilidade no meio on-line é obtida por meio da aprovação da comunidade. É ela quem vai julgar se pode-se levar em conta ou não, no caso, as informações publicadas num blog jornalístico.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s