É o fim da home page?

Os caras do Publishing 2.0, o lugar onde estão algumas das melhores discussões sobre a nova web, já tinham dado o toque: as máquinas de busca estão mudando totalmente a maneira como consumimos na Internet.

E isso se aplica também ao jornalismo, lógico.

É por essa razão que temos falado também sobre a monocultura do Google _assunto que, apesar de prometido, passou batido na aula passada e que vamos, obrigatoriamente, retomar nesta semana.

Quem sabe onde está o que quer na rede usa o sistema de feed e nem precisa ficar navegando atrás de coisas. Quem não sabe, maioria absoluta das pessoas, deveria sistematizar e concentrar suas buscas para localizar diretamente o que procura ou coisas relacionadas.

Pois bem, é justamente essa centralização de buscas que está tornando paulatinamente desnecessária a consulta a uma home page. O papel de abrigar o que há de um melhor num site, positivamente, é feito de forma muito mais eficiente por um sistema de busca do que por sua primeira página.

Falando nisso: como você navega?

Uma resposta para “É o fim da home page?

  1. Também não vejo necessidade em abrir uma página toda vez que acessar o navegador,afinal tal conteúdo sempre estará sendo atualizado.As razões para a escolha de uma Home varia muito de pessoa para pessoa,em meu caso gosto de ter a página google.com.br como ponto de partida,já que o mesmo tem como objetivo prover pesquisas ( o velho “unir o útil ao agradável”).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s