Arquivo da tag: cobrança

Seria o fim da modinha do paywall?

San Francisco Chronicle e Dallas Morning News vão remover seus paywalls – no caso do primeiro, erguido há menos de quatro meses. Estaria acabando a modinha da cobrança por conteúdo generalista na internet?

Talvez não, pondera Paul Gillin. O fracasso dessas experiências revelaria, no mínimo, que o modelo de paywall não serve para todos os veículos.

Nunca é demais lembrar que a prática é uma simplificação da monetização por conteúdo premium, quando uma pequena parcela da audiência é convidada a pagar por conteúdos eseciais. No paywall, todo mundo é solicitado a meter a mão no bolso, o que pode não se revelar uma boa estratégia.

A moda do paywall

O paywall será o grande personagem do jornalismo em outras plataformas (que não a impressa) em 2013. Até o Politico, projeto pioneiro sem fins lucrativos nos EUA, vai testar o modelo.

Ressuscitado num movimento exponencial de jornalões como The New York Times e Folha de S.Paulo, a cobrança por conteúdo web e móvel tem dado sinais auspiciosos de que seus críticos (entre os quais me incluo com orgulho) provavelmente se equivocaram.

Paul Gillin discorre mais sobre o tema num texto obrigatório para quem tenta entender a mudança do ecossistema informativo.

Os cheques sem fundo do colunista social

A partir de hoje, e até virar 2013, quero relembrar com você alguns textos que passaram por aqui e que foram muito bem recebidos.

Como aquele em que contei do colunista social que, numa nota no jornal, ameaçava homenageados que passaram cheques borrachudos de ter os nomes revelados na própria coluna.

Essa história foi a mais lida de 2012.

Um debate sobre direito autoral

Interessante, no sentido de motivar a discussão, a pretensão do Ecad (Escritório Central de Distribuição e Arrecadação) de cobrar R$ 350 mensais de blogueiros que embedam clipes musicais do YouTube.

O debate aqui é o seguinte: o ato de embedar é igual ao de linkar? Há argumentos que podem levar às duas conclusões, mas é inegável que existe um pedágio (o de tempo de permanência) cobrado pelo blog que embeda.

De toda forma, o histórico do Ecad é tão desagradável e sem transparência que, liminarmente, sou contra qualquer pleito que ele capitaneie.

ATUALIZAÇÃO: Alguns dias depois o YouTube respondeu  publicamente ao Ecad entendendo que a cobrança é indevida.

Notícias sobre o paywall do NYT

Já são quase 300 mil pessoas pagando para acessar o The New York Times na web. Estes resultados podem estar colocando em xeque algumas “certezas” sobre a cobrança on-line.

Notícias sobre o Times e leitores que fogem do conteúdo pago

Atualização sobre a audiência na internet do The Times e do Sunday Times: juntos, perderam 1,2 milhão de usuários únicos desde maio, quando passaram a cobrar por conteúdo.

Outro dado revelador: a carteira de assinantes dos sites é bem menor do que a audiência de 1,6 milhões de visitantes únicos que eles alcançaram em julho.

Claro: descobrir que é preciso pagar para navegar é o melhor convite para a retirada sumária.